sábado, 11 de julho de 2020

Diretor do estúdio de Evangelion é preso por assédio sexual

As vítimas eram todas menores de idade.

Foi preso nesta semana o atual Diretor-Representante (tradução livre para daihyo-torishimariyaku, que no Japão é o mais alto cargo executivo dentro de uma empresa) do conceituado estúdio Gainax, que produziu grandes sucessos como Neon Genesis Evangelion e Gurren Lagann.

Tomohiro Maki, 50, foi preso sob suspeita de assédio sexual de menor a uma adolescente que procurou o estúdio para tentar se tornar dubladora. Os investigadores dizem que há mais casos, sempre envolvendo garotas de 15 a 19 anos.

A declaração da polícia diz que Maki se envolveu em assédio sexual a adolescentes em quatro ocasiões distintas entre 6 e 23 de fevereiro, todos eles no dormitório feminino dentro do condomínio pertencente ao próprio estúdio, em Tóquio. Ele é acusado de fotografar as adolescentes nuas; o empresário também teria dito às vítimas que “é só um treino para quando ficar famosa e pessoas tirarem fotos de você” e “suas pernas estão inchadas, vou massageá-las”.

A denúncia foi feita por uma das vítimas ainda em fevereiro na Polícia Metropolitana de Tóquio. Na época dos incidentes, Maki era o presidente da Gainax International, a ramificação encarregada de treinar dubladores e outros talentos; ele foi nomeado para a direção da ramificação principal do estúdio Gainax em outubro. Maki admitiu ter tirado as fotos, mas alegou ter feito isso apenas porque as adolescentes pediram.

Fonte: Yomiuri Shimbun via SoraNews24 e ANN.

Deixe um comentário

1 comentário em “Diretor do estúdio de Evangelion é preso por assédio sexual

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: